Quarta, 01 de Dezembro de 2021
25°

Poucas nuvens

Canarana - MT

Ribeirão Cascalheira Obras em Ação

Mais de 11 milhões em obras são anunciadas em Ribeirão Cascalheira, após articulação de Max Russi

Serão aproximadamente R$ 10 milhões para construção de um hospital e R$ 1,1 milhão para a reforma e ampliação da Delegacia Judiciária Civil, que há anos sofre com problemas estruturais.

22/11/2021 às 16h32 Atualizada em 22/11/2021 às 18h30
Por: Portal Noticiário Fonte: JOSÉ MARQUES / Gabinete do deputado Max Russi
Compartilhe:
Foto: FABLICIO RODRIGUES / ALMT
Foto: FABLICIO RODRIGUES / ALMT

A prefeita de Ribeirão Cascalheira (900 km de Cuaibá), Luzia Brandão (SDD), anunciou a construção de um hospital municipal e a reforma da Delegacia Judiciária Civil do município. As tratativas foram articuladas pelo presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT), deputado Max Russi (PSB), e asseguradas em agenda com o governador Mauro Mendes (DEM), nesta último quinta-feira (18), no Palácio Paiaguás.

De acordo com o projeto, apresentado pela prefeita e equipe técnica, a previsão é que a nova estrutura de atendimento hospitalar possua 32 leitos. Conforme os encaminhamentos, a obra está orçada em aproximadamente R$ 10 milhões, montante que será aplicado por meio da somatória de verbas estaduais e federais. De emenda parlamentar do deputado Max Russi, serão destinados R$ 1,1 milhão.

“Uma obra, que a gente vem correndo atrás há muito tempo e hoje foi batido o martelo. O sentimento da nossa população é um sentimento de gratidão. Um sonho para nós, população de Ribeirão Cascalheira. Todos nós sabemos o quanto a gente precisa de um prédio, para a construção do nosso hospital”, disse a prefeita.

Luzia informou ainda que o hospital municipal será batizado de “João de Souza Aguiar”, em homenagem ao ex-secretário de Saúde, que faleceu no ano passado devido a complicações da covid-19. “Alguém que lutou muito pela saúde do nosso município, alguém que escreveu história em nossa Ribeirão Cascalheira amada”, complementou.

Em relação à Delegacia Judiciária Civil, a sede antiga será totalmente reconstruída, conforme os alinhamentos com o governo estadual. Serão R$ 1,1 milhão previstos para serem investidos nas obras. Segundo o delegado, Sérgio Luiz Henrique de Almeida, a atual sede enfrenta uma série de problemas estruturais.

‘Somos muito gratos ao governador Mauro Mendes e ao deputado Max Russi por essa verdadeira vitória para ribeirão Cascalheira. Hoje demos um passo importante”, avalia.

Também participaram da agenda no Palácio Paiaguás a vice-prefeita Isabel Fernandes Santos e o vereador Mario Valadares.

Ele1 - Criar site de notícias