Segunda, 02 de Agosto de 2021 21:39
Educação Mato Grosso

Vinte e quatro estados se preparam para retornar aulas em agosto

O secretário de Educação Alan Porto reforça a necessidade de seguir todos os protocolos de biossegurança para volta às escolas

21/07/2021 09h50
Por: Portal Noticiário Fonte: Secom Mato Grosso
Em Brasíla, Alan Porto levou a posição da Seduc sobre o início das aulas híbridas na rede estadual de Mato Grosso - Foto por: Divulgação
Em Brasíla, Alan Porto levou a posição da Seduc sobre o início das aulas híbridas na rede estadual de Mato Grosso - Foto por: Divulgação

Vinte e quatro Estados devem retornar as aulas em agosto. O retorno foi discutido em encontro conjunto dos conselhos nacionais de Secretários de Saúde (Conass) e de Secretários de Educação (Consed), realizado nesta terça-feira (20.07) em Brasília.

“A maioria dos Estados, em torno de 24, vão retornar suas atividades até agosto, levando em consideração todos os protocolos já estabelecidos. Somente três manifestaram que não têm uma data prevista para retorno”, disse após a reunião o secretário de Educação de Mato Grosso, Alan Porto. Em Mato Grosso, as aulas na forma do ensino híbrido retornam no dia 3 de agosto.

Ele conta que um técnico do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) expôs todas as informações para que os secretários de Educação tomem a decisão, como a média móvel, números de contaminação, quadro de vacinação, novas variantes e ocupação dos leitos de UTI, além da infraestrutura das unidades escolares.

“Foi demonstrado que houve boa performance no número de profissionais da educação que foram vacinados no Brasil. Eles entendem que é o momento de retornar”, informa o secretário Alan Porto.

O professor Nereu Mansano, pediatra e um dos técnicos do Conass, participou do debate sobre o retorno presencial das aulas. “Precisamos o mais breve possível promover o retorno das aulas presenciais. Sempre com responsabilidade e o cuidado necessário”, afirma.

“Colocamos que a decisão a ser tomada depende de uma avaliação local nos Estados. Depende da integração das áreas de educação e saúde, tanto de Estados como de municípios”, reforçou.

Reunião de avaliação       

O secretário Alan Porto ressaltou ainda que haverá uma reunião do Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed) nos dias 12 e 13 de agosto em São Paulo para avaliação e para ser uma espécie de “ponto de controle”.

Como a maioria dos Estados já vai ter o ensino retomado, será possível avaliar os pontos positivos e negativos do retorno às aulas.  “Os Estados mostrarão suas experiências do retorno às aulas presenciais ou em ensino híbrido”.

Preparação de escolas em MT

Em novembro do ano passado as escolas de Mato Grosso começaram a receber verbas para ações de prevenção à disseminação do vírus. E adquirir todos os materiais necessários para os protocolos de biossegurança, como álcool em gel, máscaras, termômetros, lavatórios e materiais para sinalização das unidades.

Este ano, os recursos para as escolas investirem em manutenções preventivas e corretivas foram reajustados de R$ 33 mil para R$ 100 mil. Os repasses automáticos para custeio das escolas estaduais tiveram aumento de 47%. Além disso, todas as unidades tiveram capacitação e orientação para o enfrentamento ao covid-19

As secretarias de Estado de Educação e de Saúde elaboraram todos os protocolos de volta segura. A Comissão Intergestores Bipartite inseriu os profissionais da educação como grupo prioritário à vacinação. E em todos os municípios os professores foram vacinados.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias